Funcionários do Correios no Rio entram em greve

Funcionários do Correios no Rio entram em greve

Os funcionários do Correios do Rio decidiram entrar em greve a partir das 22h desta quarta-feira. A assembleia que decretou o início da paralisação foi realizada na noite desta quarta-feira, na Cidade Nova, e contou com a presença de cerca de dois mil trabalhadores, segundo o Sindicato dos Trabalhadores na Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos do Rio de Janeiro (Sintect-RJ). A categoria rejeitou a proposta feita na última terça-feira pela estatal, que previa um aumento de 6,5%, correspondente à reposição da inflação, em salários e benefícios. Uma nova assembleia está marcada para esta quinta-feira.

O Sintect-RJ reivindica, além da reposição da inflação, um aumento linear de R$ 300 para todos. O Correios também ofereceu três tíquetes-refeição a mais por mês e o pagamento do aumento de 6,5% nos salários em forma de uma gratificação, garantindo um aumento anual mínimo de R$ 200.

Contas a pagar

Para não atrasar os pagamentos, o consumidor pode imprimir, pela internet, a segunda via das contas, a fim de não depender da entrega delas pelo carteiro. O procedimento é possível, por exemplo, em concessionárias de serviços como energia elétrica (www.light.com.br e www.ampla.com) e gás natural (www.ceg.com.br).

Outros estados

A proposta da empresa estatal foi aceita pelos trabalhadores de São Paulo, Rio Grande do Norte e Rondônia.

Retroativos

Como a data-base no Correios é em 1º de agosto, o reajuste será pago com os atrasados relativos a esta data.

Fonte: Extra